Notícias

Canto da Primavera leva reggae, rap, hip hop, rock e música instrumental para os palcos montados em Pirenópolis

A cidade turística é sede do evento organizado pelo Governo do estado desde o ano 2000, quando foi criado

O final de semana começou bastante animado em Pirenópolis. Afinal, a quarta noite do Canto da Primavera, promovido pelo Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (Secult), contou com apresentação de Diego Stucchi, Gabriel Cabeça, Mc Murcego e Heaven’s Guardian junto da Orquestra Sinfônica.

 

Todos os artistas que compõe a programação do evento foram contemplados pelo Concurso N.º 22/2021 da Secult. Dessa forma, os músicos que se apresentaram e ministraram oficinas receberam prêmios de R$ 10 mil a R$ 50 mil.

 

O primeiro show de sexta-feira, 03 de dezembro, foi de Diego Stucchi na Rua do Rosário. Teve muito reggae, energia positiva e músicas autorais.

Por volta das 19h30 o público conferiu, no Cine Pireneus, a apresentação do músico pirenopolino Gabriel Cabeça e seu Dj Uriel Isaac. O rapper levantou discussões sobre os problemas sociais por meio de composições como “O Brasil não é com Z”.

 

Também subiu no mesmo palco, o rapper Mc Murcego com o show “Mc Murcego: 15 anos – Raízes Ancestrais”. A performance, com hip hop de base, refletiu bastante sobre a herança africana, escravidão e, principalmente, preconceito.

 

A programação do quarto dia do Canto da Primavera foi encerrada na estrutura montada no Largo Beira Rio, com a  Heavens’s Guardian e a Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás. Os grupos fizeram uma releitura do “Live at Goiânia Theater.”